Mútua observação

Ontem teve apresentação do Coral, e estava a coisa mais hilária do mundo: a Mirka na plateia e eu no palco, e as duas se observando. Obra: "Paixão Segundo São Mateus", de Johann Sebastian Bach, versão resumida por Lukas D'Oro. Imaginem passar uma hora e vinte minutos parada no palco, especialmente durante as árias dos solistas. Se tivesse que ser a obra inteira, eu estaria simplesmente ferrada, fatalmente derrubaria a partitura no chão, descalçaria os sapatos... Como foi "só" uma hora e vinte, mexi nos cabelos, cocei o nariz, cocei o rosto, torcia o pezinho, coçava o braço, virava as páginas da partitura para uma ária que não era a executada, procurava a Mirka, dava instrução de filmagem para o Caco, que também estava na plateia, perguntava para a Bárbara, a contralto que estava ao meu lado, se íamos cantar o "O Mensch"... Eu estava insuportavelmente quieta.

Enquanto isso, a Mirka não parava quieta na cadeira. Olhava para trás, conversava com um, mexia no cabelo, conversava de novo, me pareceu estalar os dedos, mudou de plateia, foi lá para a parte superior da igreja, logo em seguida desceu de novo. Não parava de se mexer enquanto estava sentada, nenhuma posição estava boa.

Ao final da apresentação, ela se vira para mim e diz:

- Não sei como é que você aguentou ficar aí parada!!!

E eu:

- Eu não aguentei! Eu estava irrequieta! O caso é que você não viu porque também estava se mexendo o tempo todo!

posted under |

5 comentários:

Mirka B. disse...

É uma comédia né? Eu acho que incomodo as pessoas quando estou na igreja, vou passar a assistir o culto lá de cima .. kkkk
Nós temos o bicho carpiteiro. :p

M. D. Amado disse...

huahuahuahuahauhauhau

Edson Cunha disse...

Quem pergunta se vai cantar o O Mensh certamente nao foi aos ensaios. Que coisa feia!

Uma disse...

kkkkkkkkkk, melhor tu nem falar desse bicho carpiteiro para as beatas mirka, vão dizer que tu tem outra coisa aiaiai eurigostoso, muito bom o post

Cybelle Cardozo disse...

Olá, amei encontrar o blog de vcs. Tenho TDAh e só descobri agora então o mundo está um pouco menos confuso hehehe. Estou criando um blog para reunir notícias que eu for encontrando sobreo transtorno e portanto colocarei um link de vcs lá tb...
Abraços

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Nossa bobagem de cada dia:

A minha bobagem é sem ritalina mesmo, porque sóbria é mais gostoso de se fazer as coisas. Por isso resolvi começar o meu dia com uma oração.

“Pai nosso que está nos céu, meu pai não é piloto, ele é mecânico. Santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso reino. Complicado isso, fica parecendo aquelas conquistas medievais, um rei invadindo o reino do outro, castelo, dragão, princesa... Onde eu estava mesmo? Ah, sim, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu. É, piloto quando está em terra, fala de avião, quando está em vôo fala de mulher. Bobagem danada, gente. Eu queria a uma hora dessa estar em comando para ver na prática mesmo o nível de cruzeiro. Por isso que atleticano nunca é piloto, para não ter que se manter em nível de Cruzeiro. A propósito, o jogo do América foi ótimo, pena que o juiz tenha roubado tanto. Tadinho do Mequinha, tão injustiçado! Nossa, viajei. O pão nosso de cada dia nos dai hoje... Putz! Lembrei que tenho que pagar o seu Manoel da padaria! Ah, não faz mal, amanhã eu vou lá e aproveito para fazer a unha com a dona Judite. Só que os esmaltes dela estão ruins, vou sugerir comprar uns novos, tem umas cores bonitas que saíram estes dias, última moda. Ah... ahmmm... é... ta. Amém.”

Texto por Glaucia Piazzi

Colaboradores

Ocorreu um erro neste gadget

Pesquisa hiperativa

TDAHI´s Channel

Loading...

Seguidores


Recent Comments